Seguro Desemprego 2020

O seguro desemprego é um benefício concedido pela Previdência Social com propósito de apoiar financeiramente o trabalhador formal demitido sem justa causa enquanto não é admitido novamente no mercado de trabalho. Entretanto, poucas pessoas sabem quando tem direito, parcelas e como realizar o cálculo. Então, quer saber um pouco mais sobre o seguro desemprego 2020? Leia o artigo abaixo!

Seguro Desemprego 2020

Seguro Desemprego 2020

Seguro Desemprego 2020

O seguro desemprego é um direito concedido a todo trabalhador formal, portanto aquele que possui carteira assinado em regime da Consolidação das Leis Trabalhistas. O benefício é concedido aos demitido por justa causa, no entanto, trabalhadores resgatados de condições análogas à escravidão e pescadores durante o período defeso também podem solicitar o benefício.

Como Funciona

Para solicitar o seguro desemprego, o trabalhador precisa realizar o agendamento online para atendimento num posto do Sine. O agendamento deve ser realizado por meio do Sistema de Atendimentos Agendados, do Ministério do Trabalho e Emprego. Após marcar, o trabalhador deve comparecer no dia, hora e local programado para abrir a solicitação de recebimento do benefício.

Nova Regras Seguro Desemprego

Nos últimos anos, a Previdência Social vem realizando uma série de modificações nas regras do seguro desemprego. Essas alterações possui o objetivo de diminuir os custos e, consequentemente, aumentar o valor arrecado. As principais modificações nas regras do seguro desemprego têm relação com a quantidade de vezes que o benefício pode ser solicitado.

Quem tem direito

Assim como qualquer outro benefício, para receber o seguro desemprego é necessário obedecer a alguns requisitos, como:

  • Não receber qualquer benefício assistencial, como Bolsa Família, por exemplo;
  • Ter sido demitido sem justa causa do emprego em regime de CLT;
  • Estar há pelo menos 16 meses sem receber o seguro desemprego;
  • Em casos de trabalhadores rurais, é preciso ter trabalhado no mínimo 15 meses nos últimos 24 meses;
  • Não ser sócio de empresa ou possuir participação societária em pessoa jurídica;

Parcelas Seguro Desemprego

O pagamento do seguro desemprego é realizado em parcelas de acordo com a quantidade de meses trabalhados e também a quantidade de solicitação do benefício.

Para a Primeira Solicitação

4 Parcelas – De 18 – 23 meses trabalhados;

5 Parcelas – A partir de 24 meses.

Para a Segunda Solicitação

3 Parcelas – De 9 – 11 meses de trabalho;

4 Parcelas – De 12 – 23 meses de trabalho;

5 Parcelas – A partir de 24 meses.

Para a Terceira Solicitação

3 Parcelas – De 6 – 11 meses de trabalho;

4 Parcelas – De 12 – 23 meses de trabalho;

5 Parcelas – A partir de 24 meses.

Cálculo Seguro Desemprego

Para se informar sobre o valor a ser recebido pelo seguro desemprego 2020, o beneficiário deve realizar alguns cálculos.

  • Inicialmente, o trabalhador precisa saber a média dos últimos três salários recebidos;
  • Para um salário de até R$1.450,23, multiplica-se o salário médio por 0,80 (80%);
  • Já o salário de R$1.450,24 a R$2.417,29, multiplica-se por 0,50 (50%) e soma-se o valor de R$1.160,18;
  • Quem recebe mais que R$2.417,29, receberá parcelas de R$1.643,72.

Consulta Seguro Desemprego

A consulta ao seguro desemprego pode ser feita no site da Caixa Econômica Federal em dentro de poucos minutos, contato que realize os procedimentos corretamente.

1 – Acesse o Portal Caixa Cidadão pelo seguinte endereço eletrônico: https://sisgr.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CIDADAO01.

2 – No formulário, preencha os seguintes dados:

3 – Ao término do preenchimento, clique em ‘Não sou um robô’ e, posteriormente, ‘OK’. Caso os dados estejam corretos, o beneficiário poderá conferir o saldo do seguro desemprego.

Como Receber Seguro Desemprego

A Caixa é a instituição financeira responsável pela distribuição do seguro desemprego, portanto o beneficiário pode receber o seguro desemprego 2020 em algumas dessas instituições abaixo:

  • Agência da Caixa Econômica;
  • Terminal de autoatendimento da Caixa;
  • Caixa Aqui;
  • Lotéricas conveniadas à Caixa.

É preciso portar o cartão da Caixa Econômica e também, em alguns casos, documento de identificação com foto, como carteira de trabalho, CNH ou RG.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply